Faça do Portal Moveleiro sua página inicial Indique o Portal a um amigo Anuncie Assine o Portal Moveleiro SAC Versión en español

Assinante Portal Moveleiro: (Não sou assinante)

   

Sexta-Feira, 04 de Abril de 2008

Todo mundo quer móveis novinhos

Com mais moradias sendo construídas, setor espera crescer 10% neste ano.

Em 2008, as vendas de móveis em Minas Gerais devem ser as melhores dos últimos cinco anos. A expectativa é do presidente do Sindicato da Indústria de Madeira e Mobiliário do Estado, Dale Fialho. O otimismo de Dale é respaldado por pesquisa do instituto Ipsos que mostra que os móveis são o principal sonho de consumo do brasileiro: 37% deles desejam adquirir móveis neste ano. É a construção civil que deve levar ventos favoráveis aos fabricantes mineiros de móveis. "Esperamos bons resultados porque é o ano de entrega de muitos imóveis vendidos no ano passado e um setor puxa o outro", explica Fialho.

O segmento de móveis deve sair da estagnação e de uma média de crescimento de no máximo 6%, nos últimos anos, para superar os 10% em 2008. O dirigente do sindicato acredita que principalmente os fabricantes de móveis pré-fabricados e mais baratos têm chance de vender muito. "Os imóveis populares liberados agora são, em geral, bem menores do que os antigos e é preciso aproveitar bem o espaço com móveis ajustáveis ao ambiente, como cozinhas prontas e armários."

Na mobiliadora Universal, na capital, o aumento nas vendas ainda não chegou, mas as consultas estão mais frequentes, de acordo com o gerente comercial de uma das unidades da avenida Silviano Brandão, Guilherme Sales. "Eles estão procurando principalmente sala de jantar", informa. Apesar das vendas estabilizadas, Sales também está otimista. "Uma hora esta venda grande de imóveis vai chegar forte ao varejo."

É o que se pode dizer acompanhando o ritmo de crescimento de vendas de casas novas. Segundo a Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas e Administrativas da Universidade Federal de Minas Gerais (Ipead) no ano passado o número de casas ou apartamentos vendidos em Belo Horizonte cresceu impressionantes 61%, chegando a 3.321. O lançamento de unidades habitacionais saiu de 1.939, em 2006, para 3.037, no ano passado, o que dá um incremento de 56,6%.

Sorte para os cerca de 4.000 empresas de móveis de Minas. O entorno de Belo Horizonte reúne fábricas de móveis planejados e Ubá concentra a fabricação de móveis para o grande varejo, vendidos em escala para redes de lojas mais populares.

Dificuldades. O presidente do sindicato acredita que os resultados poderiam ser ainda melhores se não fosse a dificuldade de comprar matéria-prima. "Em todo o Estado só há uma fábrica de produção de chapas", reclama. Segundo ele, é preciso haver incentivos para trazer outras indústrias do tipo. As chapas representam metade do custo dos móveis para a indústria de transformação, um incentivo a mais para entrada de móveis do Sul do país em Minas que chegam, muitas vezes, bem mais baratos.

Saiba mais sobre o setor em Minas

Número de fábricas: 4.000

Principais cidades produtoras de móveis no Estado: Ubá, Carmo do Cajuru e Região metropolitana de Belo Horizonte

Perfil: móveis planejados (região metropolitana de Belo Horizonte) e populares (Ubá)

Porte: 95% são micro e pequenas empresas

Posição de MG no país: 3ª maior produtor

Principais fornecedores de matérias-primas para o setor moveleiro:

Estados do Sul do país

O que está impulsionando:

Crédito facilitado e o grande número de lançamentos imobiliários

Previsão de crescimento: 10% em 2008.

Fonte: O Tempo - MG

  • Comentar
  • Compartilhar no Orkut
  • Compartilhar no Twitter
  • Compartilhar no Facebook
  • Movelpar
  • Clique aqui!
  • Clique aqui!
  • Button Banner Montemovel

Conteúdo Portal Moveleiro

Logo Portal Moveleiro
R. Lauro Linhares, 2055 - Sala 509 - Torre Flora
Florianópolis - SC - Brasil
sac@portalmoveleiro.com.br
© 2011 copyright - Portal Moveleiro +55 48 3025-5454

Portal Moveleiro nas redes sociais: Twitter Facebook Orkut